Meu perfil

Desconectar

Facebook
Instagram
Twitter
Youtube
Whatsapp

Meu perfil

Desconectar

FUNDADO EM 1894 E ONLINE DESDE 1996

Portuguesa Santista

Briosa marca no final, vence o XV de Piracicaba e sai na frente nas quartas da Série A2 do Paulista

A Portuguesa Santista teve bom desempenho, mesmo com jogadores sem receber

ATribuna.com.br

24 de março de 2024 às 13:53
 Com a vitória, a Briosa precisa de empate no jogo de volta

Com a vitória, a Briosa precisa de empate no jogo de volta ( Foto: Vanessa Rodrigues/ AT )

A Portuguesa Santista esteve duas vezes à frente no placar, cedeu o empate e, quando tudo parecia definido, nos acréscimos, chegou ao gol que garantiu a vitória por 3 a 2 sobre o XV de Piracicaba, neste domingo (24), em Ulrico Mursa, no jogo de ida das quartas de final do Campeonato Paulista da Série A2.

No jogo de volta, na quarta-feira (27), às 20 horas, em Piracicaba, a Briosa joga pelo empate para chegar à semifinal.

A vitória premia a dedicação de um time que, mesmo com salários atrasados, nunca deixa de lutar. Por outro lado, evidencia a necessidade de mais concentração e atenção, principalmente quando está à frente do placar e concede chances ao adversário.

A Portuguesa começou a mil. Aos 2 minutos, Maranhão deu ótimo passe para Franco, que cruzou. O goleiro Fernando Henrique, ex-Fluminense, deu rebote e Bruno Moraes marcou.

Na base da pressão, quase saiu o segundo gol. Maranhão fez jogada individual, invadiu a área e chutou. Fernando Henrique defendeu.

O XV respondeu com Maikinho. Ele aproveitou falha de Vinicios Andrade e, frente a frente com Wagner Coradin, chutou em cima do goleiro da Portuguesa

Maranhão, destaque da Briosa no campeonato, teve mais uma chance, mas preferiu tocar a chutar e desperdiçou ótima oportunidade.

Aos 31 minutos, o XV de Piracicaba empatou. Após ótima enfiada de bola, Maikinho apareceu sozinho e tocou na saída de Wagner Coradin.

No segundo tempo, a Briosa também começou com tudo. Logo aos 2 minutos, Léo Santos recebeu de Franco, foi ao fundo e cruzou. Maranhão apareceu no meio da zaga e desempatou de cabeça.

O XV quase empatou com Anderson Magrão, de cabeça. Wagner Coradin fez grande defesa.

Aos 35 minutos, os visitantes empataram mais uma vez. Daniel Costa recebeu a bola na entrada da área, cortou a marcação e acertou um chute colocado, de pé esquerdo.

Aos 46 minutos, a Briosa anotou o terceiro gol. Raul Mendes recebeu passe de primeira na direita e cruzou para trás. Diogo Carlos bateu de primeira e marcou.

Aos 49, Igor ainda acertou a trave para o XV. Um minuto depois, Wagner Coradin espalmou para longe a última ocasião degoldapartida.